Beleza, Saúde
11/01/2017
0 Comentários

Mesolift com PRP, você vai ouvir falar muito nele em 2017

Voltou da praia cheia de manchinhas e ruguinhas pelo rosto, com a pele super opaca, flácida e cheias de linha de expressão e está desesperada pra dar aquela rejuvenescida? Então preste atenção nesse post de hoje sobre a Mesolift com PRP (plasma rico em plaquetas) pois é o que há de mais bombante pra este ano viu meninas?

Você ainda não ouviu falar sobre isso, mas já viu nas páginas da Vogue a Gisele Bündchen com o rosto todo vermelho ou já viu pelo Instagram afora algo parecido?

Pois bem, preparem-se pois vou contar tudinho pra vocês sobre este procedimento que tem um resultado maravilhoso…

Mesolift com PRP, você vai ouvir falar muito nele em 2017

Ano passado estive na Orto e Arte para minha última consulta do ano e enquanto esperava minha vez acabei ouvindo que havia uma paciente fazendo o Mesolift; como sou mega curiosa e já tinha ouvido falar sobre pedi se podia ver como funcionava!

A minha xará é uma fofa e me deixou assistir a todo o seu procedimento!

Fiquei embasbacada com o resultado já anotei tudinho como funcionava (e na ocasião fiz vários snaps também) pra explicar aqui pra vocês sobre essa maravilha.

E gente, prepara que vem textão, mas vem coisa boa também!!!

Vamos lá, pra quem nunca ouviu falar, o Mesolift é um tratamento que em palavras mais “entendíveis e diretas” provoca microperfurações no rosto, causando uma pequena agressão com sangramento, e, consequentemente, o aumento imediato na produção de colágeno e elastina que recuperam a pele.

O resultado é um novo tecido, com mais brilho, viço e firmeza! Tudo isso, combatendo a flacidez, rugas, pequenas cicatrizes e linhas de expressão.

Se assustou? Não precisa viu meninas, pois o “sangue” é superficial, mas o resultado comprovadamente não…

Mesolift com PRP, você vai ouvir falar muito nele em 2017

A técnica é processada com o sangue do próprio paciente. O procedimento é rápido e seguro por ser autógeno, podendo assim ser aplicado em toda face e ainda ser associado a outras técnicas como toxina botulínica, ácido hialurônico, peeling e radiofrequência.

Mas Mi, o que é exatamente esse tratamento?

Pra quem não sabe é uma terapia complementar importante para o cirurgião-dentista que frequentemente se depara com as sequelas da perda de dentes, como rugas labiais (conhecido nas miúdas por “código de barras”), sulco nasolabial e rugas de marionete profundos. Além de pele envelhecida em toda região perioral mesmo após a reabilitação óssea e dentária.

Essas características são ao mesmo tempo sinais e causa do envelhecimento facial e dificultam o trabalho do dentista na busca de construir o sorriso mais belo para seu paciente.

O PRP também é usado em outras áreas na implantodontia em procedimentos cirúrgicos de enxertos ósseos, ortopedia e cirurgia plástica.

Bacana não?

Mas voltando ao “caso Gisele” como funciona esse tratamento hein?

Assim meninas, a técnica PRP (Plasma Rico em Plaquetas) tem como principal medicamento – e eu já comentei lá em cima –  o próprio sangue do paciente e consiste em reinjetar o plasma para combater a flacidez da pele e amenizar o aspecto das rugas.

O tratamento PRP é relativamente simples. Um anestésico é aplicado sobre a região a ser tratada e uma pequena quantidade de sangue é retirada do paciente e colocada num tubo com citrato de sódio.

Em seguida, enquanto o  líquido é centrifugado por dez minutos num aparelho específico, apenas 10 cc de sangue são obtidos como plasma. Em seguida é feito na pele do paciente um microagulhamento (e sobre isso falaremos em breve no blog na coluna da Rê Cunha) para reinjetar aquele sangue centrifugado na pele.

O procedimento em si dura em torno de uma hora e o paciente é liberado 20 minutos após o término do procedimento.

Como a pele sai “avermelhada” por conta do sangue, é necessário que o paciente vá pra casa e assim fique por 24 horas, após esse tempo é lavada toda a área onde o procedimento foi feito e o resultado ja pode ser observado.

A pele fica mais lisa e brilhante, como essas gatas aí embaixo poderão comprovar (a gente sabe porque as segue né?)…

Mesolift com PRP, você vai ouvir falar muito nele em 2017

Vale dizer que durante o tratamento de PRP, quando as pequenas injeções são aplicadas, as plaquetas se replicam, ativando o processo de crescimento celular (rejuvenescimento).

É isso que estimula a síntese de um novo colágeno, principalmente o do tipo 3, que é similar ao de uma criança!

Ou seja, bundinha de neném…

Esse tratamento é indicado para pele do rosto, bem como rugas de expressão (bigode chinês), zona das maçãs do rosto, lábios e, em certos casos, em olheiras (principalmente nas olheiras cavadas).

A quantidade de aplicações e o tempo de tratamento varia de pele para pele viu meninas? e só mesmo passando por uma análise com o Cirurgião Dentista é que vocês saberão quantas serão necessárias.

A Dra. Angela da Orto e Arte é quem faz essas aplicações aqui em Jaraguá, e super recomendo o trabalho dela gente !!!

Aliás ela me mandou algumas imagens de alguns antes e depois da Mesolift pra vocês darem uma olhada no quanto o resultado é babado.

antesedepois

E ai, adorou o procedimento e quer saber mais sobre o Mesolift com PRP? É só ligar na Orto e Arte ou entrar em contato através do whatss pelo (47) 98886 6666 que as meninas respondem tudinho pra vocês ok?

Semana que vem a Mi vai fazer mais uma vez o procedimento e assim que ela terminar eu faço um update aqui com o resultado dela tá? Vocês vão adorar!!!!

No snap *ortoearte vocês encontram vários vídeos super bacanas com os procedimentos que eles fazem por lá, é incrível gente, vai muito além apenas de típicos tratamentos odontológicos que conhecíamos, recomendo viu?

TV Monalisa // Inscreva-se!
Instagram // @micamacho